sendloveandlight:

Tive a confirmação de uma coisa, que venho reparando desde quando completei meus 18 anos. Quando você cresce, de certa forma você vai perdendo a graça e importância para algumas pessoas; dá pra reparar bem isso no dia do seu aniversário. Ontem foi o dia do meu aniversário, completei 19 anos, e algumas pessoas que sempre lembravam, esqueceram. Minha madrinha, meu padrinho, minha tia-avó, algumas tias, amigos de infância… simplesmente esqueceram. No primeiro momento, me deu uma certa angustia, pensei: Como assim não vão nem me ligar? Onde está a consideração? Não mereço nem um parabéns? Mas depois vi que as coisas são assim mesmo, você perde de um lado e ganha do outro. As pessoas mudam, assim como os seus interesses, os seus caminhos. E daí que não ganhei presentes deles, como eu estava acostumada a ganhar? Ganhei presentes da vida, o que está sendo bem melhor pra mim nessa nova fase. Esse ano entrei na faculdade, fiz novos amigos, conheci novos lugares, novas pessoas, criei uma certa liberdade, comecei a curtir de verdade o que realmente é bom. É assim que tem que ser, pensar no lado bom das coisas e não esperar nada de ninguém. A espera traz decepção, o desapego traz conforto, se perde de um lado, se ganha de outro. Assim agora a vida segue pra mim, sem expectativas, sem apegos, e principalmente, sem ilusões. Isso chama-se: maturidade.

TaiBenfica